Atenção! Este site usa cookies. Ao navegar no site está a permitir a sua utilização! Saiba mais.Fechar
proteger casa

Com as temperaturas a subirem, proteja a sua casa

15 Julho 2016
0 comentários

O verão é uma altura crítica quanto à segurança da sua casa, os riscos aumentam nesta altura do ano, quer seja pelas altas temperaturas ou pelos longos períodos de ausência. No entanto, os riscos podem ser minimizados se seguir as seguintes dicas:

Casas com terrenos e jardins

1) Se a sua casa é uma vivenda, faça uma limpeza ao seu redor. Folhas, ramos secos e todo o material combustível deve ser removido. Crie um perímetro de segurança, um espaço livre e com bocas de incêndio;

2) Se possuir terrenos, lembre-se que a lei obriga à limpeza dos mesmos. Por limpeza entende-se intervenções que garantam a não propagação de fogos quer de forma horizontal, quer de forma vertical. Nesse sentido deve-se proceder a limpeza de matas, silvas e vegetação diversa, assim como a redução de densidade das árvores;

3) As queimadas e fogueiras têm regras e períodos específicos para serem feitas, informe-se na junta de freguesia da sua área de residência. Estas também devem ser sempre vigiadas pelos bombeiros, ou seja, deve comunicar-lhes aquando da realização.

Em apartamentos / condomínios

1) Caso seja proprietário de um apartamento deve confirmar a validade da apólice de seguro e, averiguar junto do condomínio sobre o seguro obrigatório contra incêndio;

2) Sugerimos ainda que confirme se todos as precauções foram tomadas e se os sistemas contra incêndio estão ativos – extintores, portas corta fogo, bocas de incêndio, detetores de fumo e “sprinklers” (sistemas anti-incêndios que funcionam sem a necessidade da ação humana imediata);

3)Botijas de gás devem ser guardadas em locais arejados e não expostos diretamente à luz solar.

Dentro de casa

1) Caso tenha botijas de gás, como já referido, estas devem estar guardadas em lugares frescos e arejados longe de fontes de ignição. Se a sua instalação de gás é canalizada, deve estar atento a possíveis fugas;

2)Faça uma revisão da sua instalação elétrica. Verifique se há corrosão de algum fio, tomadas e cabos em mau estado, infiltrações, curto-circuitos e o estado de fusíveis e disjuntores;

3) Coloque o número dos bombeiros e da polícia da sua área de residência em local bastante visível e acessível. Treine com os seus familiares evacuações e situações a seguir em caso de incêndio;

4) Em caso de ausência prolongada, desligue o quadro elétrico, assim garante que problemas de maior não acontecerão em sua casa;

5) Da mesma forma deve proceder com a água e gás, que devem ser fechados nas suas torneiras de segurança;

6) Deve também ter um extintor em casa. Estes devem ser carregados anualmente pois vão perdendo a sua eficácia ao longo dos meses. Verifique o selo da validade, assim como a data da próxima revisão.

Fontes:

Multas
IHRU

Dica BLOGO:

  • A prevenção é sempre a melhor dica, assim aprenda como deve reagir a cada situação e como pode evitar acidentes. Explique aos seus filhos, de forma educativa e sem os assustar, para que também saibam reagir e prever os perigos.

Outros artigos que lhe poderão interessar