Atenção! Este site usa cookies. Ao navegar no site está a permitir a sua utilização! Saiba mais.Fechar

Seguro Recheio: passo a passo para subscrever esta extensão

22 Janeiro 2019
0 comentários

Aliado ao habitual Seguro Casa, é também possível associar um Seguro Recheio. Será este tipo de seguro necessário? Neste artigo explicamos-lhe como funciona um seguro e quais as vantagens e desvantagens.

O que é um Seguro Recheio e como funciona?

O Seguro Recheio, como o nome indica, aplica-se ao recheio da sua casa. Ou seja, assegura desde a mobília, passando pelos eletrodomésticos, até aos artigos como jóias ou obras de arte.

O Seguro Recheio é um seguro que se destina a indemnizar o segurado no caso de bens furtados ou roubados, ou em casos de despesas consequentes de acidentes com o recheio da casa, até ao limite do capital do seguro para o recheio.

Aqui é então fundamental ter um registo adequado dos bens a segurar, valor real dos mesmos e informação discriminada. O valor a pagar pelo seguro vai depender desta informação detalhada.

Opte sempre por declarar o valor real, para ter a informação corretamente aplicada no seguro e assim não correr o risco de perder dinheiro. Se declara os bens com um valor acima ao que realmente valem, pagará uma apólice de valor superior ao que deveria; por outro lado, se os declara a um valor inferior, a potencial indemnização futura, caso se aplique, será de um valor inferior ao que seria aplicada ao valor real dos itens.

Como fazer a listagem e o que segurar

Ao contratar o Seguro Recheio aconselhamos a que tenha uma listagem detalhada do que pretende segurar. Organize um dossier/pasta de arquivo com informação de cada artigo.

  • Tenha idealmente uma foto do artigo;
  • A fatura de compra (fundamental para prova de valor);
  • A origem e funcionalidade dos artigos. Ou seja, se são eletrodomésticos, mobília, roupa de luxo, jóias, etc.

Sempre que adquirir um artigo novo que pretende segurar, entre em contacto com a sua seguradora para atualizar o seu Seguro Recheio.

Recorde-se que esta informação minuciosa é para benefício seu. Se tiver discriminado os bens e o seu valor no contrato de seguro, conseguirá ser indemnizado no seu real valor, até ao limite do capital.

Regra da Proporcionalidade

Por outro lado, peça informações à seguradora sobre a aplicação da regra da proporcionalidade em caso de sinistro. Se aplicada (e não tendo a informação detalhada acima mencionada), a seguradora irá calcular que percentagem do seu recheio foi afetada e é essa a percentagem que lhe irá atribuir de indemnização, sobre o total de capital coberto.

Obtenha toda a informação possível e verifique que o Seguro Recheio que contrata cobre as suas necessidades e expectativas.

Avalie a necessidade de se precaver e veja os benefícios de ter o recheio da sua casa segurado. Compare apólices, condições, coberturas e escolha a melhor opção para si e de acordo com os seus bens, com a segurança e conforto de estar precavido para alguma eventualidade futura.

Dica BLOGO:

Faça uma simulação online no site da LOGO para saber tudo sobre o Seguro LOGO Casa Recheio. Esta opção, quando contratada com a LOGO permite-lhe, não só assegurar a proteção dos seus bens, como também, ter acesso a serviços de assistência ao domicílio para reparações ou mesmo para o auxiliar nos cuidados com o seu animal de estimação. Pode ainda escolher coberturas mais específicas consoante as suas necessidades, como é o caso da cobertura “Danos em Bens do Senhorio” ou “Equipamentos Eletrónicos”. No momento em que fizer a simulação, poderá fazer a ativação online do seguro. Após ativado ativação, poderá gerir todo o seguro através da sua área de cliente ou na app myLOGO.

Fontes:

LOGO
SMARTEAM
Saldo Positivo

Outros artigos que lhe poderão interessar