Atenção! Este site usa cookies. Ao navegar no site está a permitir a sua utilização! Saiba mais.Fechar

O essencial para andar de moto em segurança

12 Abril 2018
0 comentários

Andar de moto na cidade é cada vez mais comum. Seja pela poupança e rapidez, ou pelo gosto e adrenalina, é preciso que se privilegie a segurança acima de tudo. Nesse sentido, neste artigo ficará a conhecer os pontos chave para andar de moto com total segurança , de forma a que este modo de transporte seja sempre sinónimo de satisfação.

4 conselhos para andar de moto com total segurança

1. Usar uma moto adaptada

Se está a pensar comprar uma moto, escolha uma que se adapte à sua experiência. Não a escolha pela sua cor, pela sua potência ou pela sua marca, mas sim pelo quanto ela é adaptada às suas necessidades e à sua real experiência.

Eventualmente, com a prática, poderá futuramente escolher uma moto com uma maior cilindrada e que o fascine mais. No entanto, numa primeira fase, privilegie a sua segurança acima de tudo e não leve o desejo da adrenalina tão a sério.

2. Use equipamento de segurança visível

“Ver e ser visto”: esta frase aplica-se a qualquer pessoa que ande na estrada. Ainda mais aos motociclistas!

Assim sendo, opte por um capacete colorido e visível e que tenha, se possível, bandas refletoras. Dessa forma, irá garantir que mesmo em caso de condições adversas como chuva ou nevoeiro, irá ser visto pelos outros condutores.

3. Esteja atento a tudo durante a condução

Ao andar de moto a presença e atuação dos outros condutores ganha uma maior dimensão. Por outras palavras, deve ter uma atenção redobrada com os ângulos mortos dos retrovisores dos carros e camiões e estar atento a manobras perigosas que estes possam fazer.

Semelhantemente à condução de um carro, quando andar de moto tente cruzar o olhar com os outros condutores através dos seus retrovisores, para garantir que está a ser visto por eles.

4. Antecipe

Antecipar as reações dos outros condutores é muito importante, seja ao andar de moto ou a conduzir um carro. No entanto, no caso dos motociclistas, essa preocupação deve ser redobrada.

Visto que muitos dos acidentes que envolvem motos acontecem porque os outros condutores não viram os motociclos, cedo o suficiente para reagirem, quando andar de moto tente antecipar ao máximo todos os perigos e manobras.

Antecipe todas as necessidades de travagem como rotundas, cruzamentos, passadeiras, semáforos, piso irregular, etc. Nesse sentido, esteja atento a outros veículos que estão à sua frente ou mesmo atrás de si, tentando analisar se estes terão tempo de travar em segurança, em caso de perigo.

Embora incomum, quando andar de moto no meio do trânsito parado, tenha também cuidado, pois pode acontecer que algum veículo abra a porta de forma repentina e inesperada.

Conclusão

Andar de moto pode ser prático, sobretudo em grandes cidades. No entanto, deve ser feito com muita consciência e cautela, pois se não privilegiar a sua segurança e a dos restantes condutores, podem existir facilmente acidentes desnecessários.

Fontes:

Dinheiro Vivo
Andar de Moto

Dica BLOGO:

Lembre-se que uma moto é um veículo e que deve respeitar o código da estrada. Não faça ultrapassagens pela direita, evite saltar constantemente entre as filas de trânsito e não provoque os outros condutores com velocidade ou manobras desnecessárias.

Outros artigos que lhe poderão interessar

Seguro Vida