Atenção! Este site usa cookies. Ao navegar no site está a permitir a sua utilização! Saiba mais.Fechar
seguro_automóvel

Seguro Automóvel: o que deve saber para escolher o seu seguro.

25 Maio 2017
0 comentários

Ter um seguro automóvel em dia é obrigatório para quem tem um carro. Com tantas opções no mercado, muitas são as pessoas que ainda ficam perdidas durante o processo de escolha de um seguro automóvel.

Fique a saber tudo o que precisa para conseguir escolher, de forma independente e com total confiança, o melhor seguro para o seu veículo.

Seguro automóvel obrigatório

A lei portuguesa exige que todos os condutores e veículos tenham um seguro automóvel que inclua as seguintes caraterísticas:

• O pagamento de indemnizações por danos corporais e materiais não só causados a terceiros mas incluindo também os passageiros transportados num valor obrigatório até 7.290.000€;
• A cobertura mínima obrigatória de 6.070.000 € para danos corporais causados a terceiros;
• A cobertura mínima obrigatória de 1.220.000 € para danos materiais.

Cobrança de todos os riscos

Para além das condições obrigatórias e impostas pela lei, é possível adicionar várias outras funcionalidades a um seguro automóvel.

Um seguro automóvel dito básico, que só inclui o que é obrigatório por lei, não irá cobrir o condutor e o veículo em caso de acidente e danos próprios.

Para que esteja coberto em caso de responsabilidade no acidente e também em caso de dano no seu veículo, precisa de subscrever um seguro para todos os riscos ou a um seguro de danos próprios.

Preço e valor a pagar

O preço e valor a pagar por um seguro automóvel não é algo fixo e padrão. Os valores a pagar variam consoante a idade do condutor, a experiência anterior (se já teve vários acidentes ou não), os anos de carta e ainda o valor comercial do veículo a segurar.

Para além das variantes que influenciam o valor do seguro no momento da subscrição, o que paga pode também mudar de ano para ano. Os valores dos seguros automóveis são revistos anualmente, tendo em conta o número de acidentes e sinistros nos quais o condutor esteve envolvido.

Franquias

A franquia é o valor do qual o segurado ficará responsável por pagar em caso de acidente. Se o veículo tiver que ser reparado, o segurado deverá pagar o valor da franquia associado ao seguro. Quanto menores forem as franquias, mais elevado será o valor a pagar pelo seguro.

Dependendo do tipo de acidente, os valores das franquias associadas podem variar. É importante, durante o processo de subscrição de um seguro automóvel, que consulte as tabelas das franquias.

Comunicação e assistência

Garanta que o seguro automóvel que subscrever tem um serviço de assistência 24h / 7 dias. Escolha uma seguradora que presta apoio personalizado durante todos os processos, não só durante a subscrição do seguro. Em caso de acidente, é importante que consiga comunicar rapidamente com o seguro.

Fontes:

Saldo Positivo
Reorganiza
E-konomista

Dica BLOGO:

A obrigatoriedade do seguro automóvel passa também pela chamada Carta Verde. Não se esqueça de colocar sempre a carta verde dentro do seu veículo! Este é o documento que certifica, por lei, que tem o seguro automóvel obrigatório.

Outros artigos que lhe poderão interessar

Seguro Vida