Atenção! Este site usa cookies. Ao navegar no site está a permitir a sua utilização! Saiba mais.Fechar
carro novo

Comprar um carro novo – O que valorizar?

15 Julho 2016
0 comentários

Na hora de escolher um carro novo, a estética é, por vezes, o principal fator. De forma a garantir uma boa escolha deve também ponderar outros fatores que enumeramos abaixo:

Segurança

São já bastantes os equipamentos de segurança ativa (tudo o que tem o objetivo de evitar o acidente) e passiva (tudo o que tem o objetivo de minimizar os danos e proteger no caso de um acidente) que fazem parte da indústria automóvel. Se o ABS (sistema de controle de travagem) e os airbags (componente de segurança dos veículos automotores) fazem já parte do equipamento de série, da maioria dos automóveis novos, existem muitos outros que são opcionais, mas que lhe dão garantias de maior segurança ao volante. A assistência à travagem de emergência, os airbags laterais e de joelhos, o controlo de estabilidade eletrónico, a visão noturna, o assistente de velocidade, o sistema de controlo antipatinagem são ainda equipamentos que não fazem parte de muitos automóveis, mas que podem fazer a diferença, quando a principal motivação para a escolha de um carro é a segurança.

Fiabilidade

Existem marcas que, pelo seu histórico, são consideradas mais fiáveis que outras. É verdade que essas marcas são também as mais caras, comparando automóveis do mesmo segmento. Dependendo da utilização que faz do seu carro e do tipo de investimento que quer fazer, avalie de forma a perceber no que é que pode apostar.

Desempenho

O que procura num carro? Um citadino que seja fácil de estacionar e que gaste pouco, um familiar para grandes viagens, um veículo que vá também para o campo ao fim de semana? Deve então ponderar qual a utilização principal que vai ter o carro e qual o segmento a escolher.

Garantia

Também aqui as diferenças entre as marcas são grandes, desde as que oferecem o obrigatório por lei, às que oferecem garantia superior a 6 anos. Além de ser uma segurança é também uma prova de que o que a marca faz, faz bem.

Assistência

Uma marca que ofereça uma fraca rede de assistência e de oficinas pode ser uma má escolha, podendo correr o risco de esperar 15 dias para que uma peça chegue. Estude o mapa de assistência da marca e veja se há oficinas da mesma na sua área de residência.

Desvalorização

Para quem vê um carro como uma utilidade, mas ao mesmo tempo procura algo mais seguro em relação ao investimento, é importante estudar a desvalorização da marca ao longo dos anos. A Eutotax, por exemplo, é a empresa a quem as seguradoras recorrem para avaliação automóvel. As diferenças podem ultrapassar os 5 mil euros de desvalorização, se compararmos carros semelhantes de duas marcas diferentes.

Fontes:

Eurotax

Dica BLOGO:

  • Antes de investigar o mercado automóvel, investigue-se a si próprio. É muito importante entender a utilização que vai dar ao carro, o valor que está disposto a investir, quer no início, quer ao longo do tempo e quantos anos irá ter este carro até trocar por outro. Fazendo este plano irá fazer a escolha certa.

Outros artigos que lhe poderão interessar