Atenção! Este site usa cookies. Ao navegar no site está a permitir a sua utilização! Saiba mais.Fechar

Seguro de Vida: Respostas às Perguntas mais Frequentes

14 Setembro 2018
0 comentários

Fique a conhecer neste artigo as respostas a algumas das perguntas mais frequentes sobre os seguros de vida. Para que servem, o que são e que detalhes deve ter em conta no momento da contratação.

O que é um Seguro de Vida?

É um contrato em que o segurador está comprometido a pagar capital ao segurado (ou pessoa segura), dependendo dos serviços contratados. Por exemplo, em caso de morte, acidente, invalidez e/ou quando hospitalizado.

Em Portugal, o seguro de vida é normalmente associado à contratação de um crédito habitação que permite proteger a entidade que faz o crédito em caso de sinistro.

Quais os tipos de Seguros de Vida?

1. Seguro de Vida em caso de morte
Morte natural ou por acidente. Ou seja, garante ao agregado familiar, apoio financeiro em caso de falecimento do segurado, durante o contrato. A saber que a quantia paga é calculada através do capital e idade da pessoa segura, aumentando na proporção dessas variáveis.

2. Seguro que cobre o risco em vida
Garante ao beneficiário receber o capital acordado, quando vivo, após terminar o contrato.

3. Seguro de Vida individual
Realizado sobre um segurado ou juntamente com várias pessoas seguras.

4. Seguro de Vida de grupo
Realizado sobre um conjunto de pessoas ligadas entre si e ao tomador do seguro, devido a um interesse ou vínculo comum. Por conseguinte, esta modalidade pode ser contributiva (contribuição parcial ou total das pessoas para o pagamento do prémio) e não contributiva (o tomador contribui na totalidade).

Porquê ter um Seguro de Vida?

Primeiramente, um seguro de vida previne as consequências de uma morte prematura, acidentes ou doença graves para familiares dependentes.

Mas também poderá também prevenir consequências económicas, para o agregado familiar, numa situação de sobrevivência na velhice avançada.

A saber também que um um seguro de vida possibilita deduções dos prémios no IRS (máximo 25% do total de prémio pagos – 64€ por indivíduo e 128€ por casal).

O que devo fazer antes de subscrever um?

Estar devidamente esclarecido sobre todas as coberturas do seguro, o respetivo prémio e capital garantido, para todas elas.

Similarmente a outras contratações, estude as condições do contrato e pesquise taxas menos claras que possam aumentar o prémio.

A menos que seja adicionado como cobertura adicional, deve ter em mente as exceções do seguro. A saber, este não cobre desportos radicais, certas doenças e determinados níveis de incapacidade.

Que informações tem a seguradora de disponibilizar ao cliente?

  • Quais as coberturas e respectivos prémios.
  • O rendimento mínimo garantido (quando aplicável)
  • Quais os valores de redução, resgate e penalizações.
  • Quais os encargos e quando são cobrados.
  • Qual o regime fiscal, incluindo os beneficiários.
  • Quais os valores referência para calcular o capital.
  • Qual a quantidade de unidades de participação.
  • Quais os ativos representativos (títulos de dívida, ações, etc)

Que informações devem constar numa apólice de Seguro de Vida?

  • De que modo o Segurador irá receber os prémios (periodicidade, prazo).
  • Se poderá o tomador participar dos resultados – e, caso sim, como calcular e pagar.
  • O prazo em que a apólice pode ser retomada com as mesmas condições após término.
  • Quais as condições da apólice após a morte do segurado e como se poderá formar uma carteira de investimentos.
  • Consentimento por escrito da pessoa segura, se esta não for o tomador, exceto se a apólice garantir responsabilidades ao tomador face à pessoa segura.
  • Deverá constar uma tabela anexa indicando os valores de redução e resgate, estipulados anualmente, através do número de anos de contrato e um montante de referência relativo às importâncias seguras.

Quanto custa um Seguro de Vida?

Assim como outros seguros, o custo de um seguro de vida dependerá:

  • da importância a segurar,
  • da probabilidade de ocorrência das situações cobertas e
  • da idade do tomador – mais dispendioso com o aumentar da mesma.

Além disso, pode sempre ter coberturas adicionais e exceções negociáveis, que aumentam o valor do prémio.

Em conclusão, pode calcular o quanto pode poupar no seu seguro de vida. Afinal, a LOGO disponibiliza uma simulação 100% online e gratuita que pode realizar aqui!

Assim, em apenas alguns cliques, não só terá uma simulação do valor do seu seguro, como também o que poderá poupar relativamente ao seguro que tem atualmente.

Fontes:

Seguros LOGO
Economias

Dica BLOGO:

Para poupar mais, privilegie seguradoras sem intermediários. A LOGO simplifica todo o processo de contratação e gestão dos seus seguros, sendo esse processo online e sem burocracias.

Outros artigos que lhe poderão interessar

Seguro Vida