Atenção! Este site usa cookies. Ao navegar no site está a permitir a sua utilização! Saiba mais.Fechar

5 técnicas para aprender a lidar com a ansiedade.

18 Julho 2017
0 comentários

Estima-se que a ansiedade atinge 1 em cada 5 portugueses, sendo considerada a doença psicológica com maior prevalência em Portugal. Neste artigo apresentamos-lhe algumas técnicas para saber como pode lidar com a ansiedade.

O que é a ansiedade?

A ansiedade traduz-se numa sensação de falta de controlo pelo futuro ou de perigos incertos e está associada a sentimentos de impotência ou incapacidade. Dependendo do grau de ansiedade, esta pode ainda apresentar sintomas físicos, como dores no peito, batimento cardíaco acelerado, tonturas ou vertigens.

A boa notícia é que é possível treinar a mente para se manter mais calmo e positivo. Comece por pensar sobre a fonte da sua ansiedade. O que sente e o que pensa nestes momentos? Acontece em alguma situação específica?

Depois de responder a estas questões, experimente as técnicas que sugerimos de seguida.

1. Comece o dia a espreguiçar-se.

O despertador tocou às 7h00. Levantou-se de imediato, tomou banho, vestiu-se, chamou os miúdos, tomou café a correr e já está apressado para sair de casa? Altere a sua rotina matinal!

De manhã, acorde 5 minutos mais cedo do que o habituale aproveite esse tempo para se espreguiçar. Esticar o corpo ainda na cama, concentrado apenas em si e dar tempo ao corpo para acordar, ajudá-lo-á a reduzir o stress matinal.

2. Organize o seu dia.

A ansiedade faz disparar uma série de pensamentos nocivos e medos quase irracionais, relativamente a tudo o que pode vir (ou não) a acontecer.

Organize o seu dia na noite anterior e liberte, assim, a mente dessa preocupação. Se souber exatamente o que vai fazer no dia seguinte, a sensação de controlo ajudá-lo-á a relaxar.

3. Adquira o ritual do chá.

Já ouviu falar do prazer de beber uma chávena de chá em frente à lareira? Ou quem sabe, de como é bom sentir o calor da chávena do café logo pela manhã?

Este tipo de afirmações surge quando alguém se consegue focar em exclusivo no momento presente (mindfulness).

Crie o seu próprio momento zen ou mindfulness e, durante uns minutos, concentre-se apenas em algo que lhe dê prazer. Esta ação irá melhorar o seu humor e boa disposição e ajudá-lo-á a relaxar.

4. Pratique exercício físico.

Os benefícios do exercício físico para a saúde e bem-estar estão mais do que comprovados pela ciência. Apenas 5 minutos de exercício por dia, ajudam a diminuir os níveis de tensão e a melhorar o humor e autoestima.

Se, ultimamente, anda intrigado com o yoga, por exemplo, este pode ser um excelente aliado para lidar com a ansiedade.

5. Pensamento positivo.

É na mente que a ansiedade tem origem. Por isso, é também na mente que pode estar a solução. Se a ansiedade tem a capacidade de provocar pensamentos pessimistas, contrarie a tendência focando-se em coisas positivas.

Pode começar por escrever 3 coisas pelos quais se sente grato de manhã e agradecer por 3 coisas positivas que lhe aconteceram durante o dia, antes de ir dormir. Este simples exercício obrigá-lo-á a focar pelo menos duas vezes por dia em algo positivo, o que contraria a tendência da ansiedade.

A ansiedade tem sobretudo origem nas suas crenças. Se conseguir perceber que não é possível ter certeza sobre tudo na vida, irá sentir-se mais calmo e irá conseguir lidar com a ansiedade de forma natural e eficaz.

Fontes:

Observador
Escola Psicologia
Mexxer

Dica BLOGO:

Se é uma pessoa ansiosa mas ainda não conseguiu descobrir a origem da ansiedade, sugerimos que crie um “Diário da Ansiedade”. Num bloco de notas, tome nota sempre que tiver um episódio de ansiedade. Escreva o que está a sentir, em que contexto está e no que está a pensar. Ao fim de algum tempo, conseguirá ver um padrão presente na maioria dos episódios de ansiedade e desconstruir a situação.

Outros artigos que lhe poderão interessar