Atenção! Este site usa cookies. Ao navegar no site está a permitir a sua utilização! Saiba mais.Fechar
exames

Os exames médicos na idade “certa”

13 Julho 2016
0 comentários

Os anos vão passando e a preocupação com a saúde aumenta, isto é, um check up anual e alguns exames na altura certa e a sua saúde estará controlada. Deixamos abaixo uma listagem de ‘momentos’ em que certos exames farão a diferença de forma a ir controlando melhor a sua saúde:

Em todas as idades

Ter a vacinação em dia sabemos que é necessário, assim como vigiar os dentes e os olhos com regularidade através de consultas de dentista e oftalmologista.

Adolescência

A adolescência traz também a puberdade, bem como o início da vida sexual e deve, portanto, fazer-se o despiste de doenças infectocontagiosas. As raparigas devem consultar um ginecologista e os rapazes um urologista.

A partir dos 20 anos e com regularidade

As análises ao sangue e urina, de dois em dois anos, são uma forma de prevenção de futuras complicações que possam aparecer. As mulheres devem manter as consultas regulares de ginecologia e os homens de urologia.

Aos 30 anos

As análises ao sangue e urina devem tornar-se anuais bem como o controlo da tensão arterial. É a altura para um eletrocardiograma e prova de esforço. Uma revisão aos ouvidos também é aconselhada nestas idades. Para as mulheres os autoexames mamários devem tornar-se um hábito.

Aos 40 anos

É aconselhada nesta idade uma consulta de dermatologia, de forma a despistar possíveis doenças de pele. Os homens devem efetuar um exame à próstata e um exame testicular e a radiografia mamária passa a ser um exame importante para as mulheres. A alimentação nesta idade deve ser mais moderada.

Aos 50 anos

Ao aparecer a menopausa nas mulheres (que acontece nesta década) não quer dizer que se deixe de visitar o ginecologista, muito pelo contrário, este período é propício ao desenvolvimento de doenças, não deve por isso baixar a guarda. Para ambos os sexos a colonoscopia (exame endoscópico do intestino grosso) é um exame importante.

Aos 60 anos

Uma densitometria óssea (medida quantitativa da massa óssea) de 5 em 5 anos é importante para diagnosticar casos de osteoporose. Fazendo já parte da idade do grupo de risco, a vacina da gripe sazonal deve ser equacionada.

Fontes:

Tua Saúde
Sapo Lifestyle
Activa

Dica BLOGO:

  • Estes cuidados são meramente indicativos. Em casos de risco como o histórico familiar ou acidentes variados, pode ser necessário algum cuidado extra ou um controlo mais permanente sobre certos aspetos, mantenha um diálogo franco e constante com o seu médico.

Outros artigos que lhe poderão interessar